Notação científica - Resumo Nível Médio

Inauguro os resumos gerais de física com o tema Notação científica, uma formalidade usada na escrita de números muito grandes ou muito pequenos. Para entendê-la melhor, é importante que você já tenha dominado operações com vírgula e potências de base 10.

Arredondamento

Arredondar é limitar a quantidade de algarismos de um número. Após escolhermos a quantidade de dígitos que um número terá, aumenta-se o último algarismo em uma unidade se o número seguinte, que fora cortado, for maior ou igual a 5; caso contrário, nada se faz.

 Exemplo 1

O número 1,47 pode ser arredondado para 1,5.

O número 0,42 pode ser arredondado para 0,4.

O número 12,5555 pode ser arredondado para 12,6.

O número 3,1415 pode ser arredondado para 3,14.

A Notação Científica

Na notação científica, os números devem ser escritos utilizando-se potências de base 10. O resultado deve ser apresentado na seguinte forma:

\begin{equation} M \cdot 10^n \text{,} \end{equation}

onde M é a mantissa e n o expoente (ou ordem de grandeza). A conversão para esta notação deve ser feita de forma que o número M possua uma vírgula após seu primeiro dígito significativo.

Abaixo destaquei uma série de exemplos relacionados a esta conversão. Observe como o resultado se apresenta de forma mais curta e elegante:

 Exemplo 2
$$ 0,006 = 6,0 \cdot 10^{-2} $$ $$ 53000 = 5,3 \cdot 10^{4} $$ $$ 0,0000000924 = 9,24 \cdot 10^{-8} $$ $$ 157,1 = 1,6 \cdot 10^2 $$

O valor do expoente deve ser alterado conforme o número de casas que a vírgula se deslocou: se deslocarmos a vírgula para a esquerda, o expoente aumentará; se deslocarmos para a direita, diminuirá.

Exercícios

Quanto mais exercícios, melhor! Resolva a lista de exercícios sobre notação científica para assimilar este resumo. Depois, siga para o resumo Unidades físicas e prefixos.

Postar um comentário